Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/04/20 às 14h54 - Atualizado em 1/04/20 às 15h07

No aniversário da faixa, Detran lança o programa Luz na Faixa: Luz que protege

 

 

O programa contará com o apoio da CEB e irá revitalizar e iluminar faixas de pedestres em todo do DF

 

 

 

Zélia Ferreira  

 

(Brasília – 31/3/2020) – Há 23 anos o Distrito Federal instituiu o respeito ao pedestre na faixa, que tem preservado centenas de vidas e é motivo de orgulho para todos os brasilienses. Em comemoração ao aniversário da faixa, que acontece no dia 1º de abril, o Departamento de Trânsito do Distrito Federal – Detran/DF, em parceira com a Companhia Energética de Brasília – CEB, iniciou o Programa Luz na Faixa: Luz que protege.

O programa visa iluminar as faixas, trazendo conforto e maior segurança ao cidadão. Para isso, o Detran vai utilizar recurso de multas para custear a instalação de iluminação LED e a instalação de novas placas de sinalização e de nova pintura das travessias, realizadas pela Diretoria de Engenharia da autarquia.

 

Um projeto piloto que se iniciou em fevereiro, realizado pelo Detran, Secretaria de Obras e a Companhia Energética de Brasília, já iluminou cinco faixas, sendo quatro na Ceilândia e uma no Sudoeste. A partir desta semana, outras 10 travessias receberão a iluminação em Taguatinga, Santa Maria, Cruzeiro, Sobradinho, Planaltina, Guará, Ceilândia, Samambaia e Plano Piloto – uma na Asa Norte e outra na Asa Sul.

 

O planejamento do Detran inclui ações educativas de conscientização dos condutores para a necessidade de respeitar o direito do pedestre e de orientação  aos pedestres para que realizem a travessia na faixa, além de intensificar a fiscalização de trânsito para coibir o desrespeito ao pedestre.

Para o diretor-geral do Detran, Zélio Maia, a iluminação de todas as faixas vai garantir maior visibilidade tanto aos pedestres quanto aos condutores. “Nesses 23 anos, os números têm mostrado que a faixa de pedestre é o local seguro para a travessia e, por isso, o Detran está procurando melhorar a visibilidade das faixas a fim de torná-las cada vez mais seguras”, enfatizou Zélio Maia.

 

O trabalho de iluminação realizado pela CEB vai garantir maior visibilidade para os pedestres, mesmo nas calçadas e áreas próximas à faixa, fazendo com que a percepção do condutor seja imediata. Para o Presidente da CEB, Edison Garcia, “participar desse importante programa de valorizar as faixas de pedestres com o Detran engrandece a atuação da companhia na sua atividade de iluminação pública no DF.”

 

Estatísticas

Desde 1997, quando Brasília se consolidou como a capital da travessia segura na faixa, o número de pedestres mortos tem reduzido significativamente. Naquele ano, 202 pessoas morreram atropeladas nas vias do Distrito Federal, enquanto que em 2019, foram registradas 89 mortes por atropelamento – uma redução de 55,9% no número de óbitos. É importante destacar, ainda, que a grande maioria das mortes ocorreu fora da faixa (87), com o registro de dois óbitos na faixa de pedestre – um deles em via urbana e outro em rodovia.

 

De acordo com a Gerência de Estatística do Departamento de Trânsito do Distrito Federal, em 2018, ocorreram 103 mortes de pedestres nas vias públicas. No ano de 2019, foram 89 mortes, o que representa uma redução de 13,5% na quantidade de vítimas por atropelamento.

 

Departamento de Trânsito do Distrito Federal - Governo de Brasília

DETRAN

SAM Lote A Bloco B - Edifício Sede do Detran/DF CEP 70.620-000 Central de Atendimento ao Cidadão: 154 (para quem está no DF) ou (61) 3120-9800 (para quem está fora do DF)